As Almas do Purgatório ou o Trabalho de Luto

607

Michel Vovelle (reflexão)

(Sinopse) “Que ninguém se engane quanto ao assunto desse ensaio, anunciado por um título que, aparentemente, remete a um tema talvez um pouco obsoleto – quem, hoje em dia, ainda se interessa pelas pobres almas do purgatório? -, é um temível desafio este que aceitamos enfrentar aqui. Trata-se nada menos do que explorar por um viés específico a relação que os vivos mantiveram com seus mortos durante séculos, e em uma área bastante abrangente, a do Ocidente cristão.”

Sem comentários

Deixe um comentário